Hospedagem em Orlando

Fazer escolhas nem sempre é fácil, né? Mais difícil ainda é decidir entre opções que ainda não conhecemos pessoalmente. Quando comecei a pesquisar sobre hospedagem em Orlando li relatos diversos de viajantes, muitos ressaltando as vantagens de ficar num dos hotéis do complexo da Disney (ou ainda da Universal), outros dizendo que preferem outros hotéis. Pouca gente fala da opção de alugar uma casa.

Há também várias pessoas que optam por passar alguns dias num hotel da Disney, dedicando esses dias com exclusividade aos parques da Disney (óbvio), e se mudam para outro hotel depois desse período para explorar o restante das atrações. Os hotéis da Disney são um pouco mais caros que os demais, mas a diferença compensa se você não alugar um carro enquanto se hospedar nele. A opção de combinar duas hospedagens em Orlando, para quem tem uma dificuldade enorme em fazer escolhas, pareceu a mais acertada. Reservamos 4 diárias no Disney All-Star Sports, e alugamos uma casa para o restante do tempo em Orlando.

Eu gostaria de poder fazer uma análise neutra das duas hospedagens para você poder escolher a melhor de acordo com sua própria preferência, mas não será possível. Minha escolha (sim, finalmente consegui fazer uma escolha), depois da experiência que vivemos, é clara: alugar uma casa é mais ou menos 5 milhões de vezes melhor.

Poucos dias antes da viagem (tarde demais para cancelar) soubemos de brasileiros que tiveram seu quarto revirado e todas as compras furtadas justamente no All-Star Sports. Em razão disso, a fim de nos precaver, desistimos de fazer compras pela internet para entregar no hotel e adotamos mais algumas medidas de segurança durante a estadia: livramo-nos de sacolas e embalagens bem longe do hotel, deixamos todas as coisas fechadas dentro das malas (com cadeados) e dispensamos o serviço de quarto deixando a plaquinha de “não perturbe” na porta todos os dias.

O hotel em si é BEM simples. O quarto era tão tristonho que não me animei nem a tirar fotos… Duas camas de casal (tamanho padrão, e não queen), piso com carpete, móveis e decoração antiga. É tudo com o tema Disney, claro, mas com cara de comprado na Casa China. A cama, apesar de pequena para um casal, era confortável, e o chuveiro é bom. As toalhas são ridiculamente pequenas, além de velhas e puídas. As paredes entre os quartos são do tipo drywall. Você escuta TUDO que acontece nos quartos vizinhos. Ao lado do nosso havia um bebê que gritava a noite toda. Para completar, meu marido viu uma barata no nosso quarto. A foto abaixo é do TripAdvisor. Nosso quarto era idêntico a esse:

all star sport
A foto não é minha, peguei no TripAdvisor. Nosso quarto era idêntico a esse.

O café-da-manhã não está incluso na diária. Na food court (praça de alimentação), você escolhe o que quer comer e compra item por item. Exemplo: um bagel, um potinho (porção) de cream cheese, um iogurte, uma granola. Tem também ovo mexido, bacon, linguiça, aquelas coisas bem leves e saudáveis para começar bem o dia (not). E é tudo caro. Tem uma grande piscina, que não chegamos a usar, já que passamos os dias inteiros nos parques.

No quesito segurança, o hotel também deixa a desejar. Como muitos hotéis nos EUA, esse também é formado por múltiplos prédios. Não é preciso passar pela recepção para acessá-los. Poucos funcionários são vistos circulando o hotel, então é bem fácil alguém de fora entrar lá e até arrombar algum dos apartamentos.

É tudo ruim? Claro que não, vamos às vantagens:

– O fast pass, que permite que você escolha até 3 atrações nos parques da Disney com antecedência, não precisando enfrentar fila quando chegar lá, pode ser reservado pela internet com 30 dias de antecedência. Quem fez reserva num dos hotéis da Disney, a reserva do fast pass pode ser feita com 60 dias de antecedência, o que significa que há chances maiores de pegar os melhores horários.

– Os hotéis da Disney oferecem transporte gratuito para os hóspedes para todos os parques do complexo, e também para Downtown Disney (um centro de restaurantes, compras e entretenimento). São ônibus confortáveis, com ar condicionado, disponíveis o dia todo, que deixam você na porta do parque. Além disso, por não estar de carro, você economiza os US$ 20 diários no estacionamento dos parques.

– Quem está hospedado nos hotéis da Disney tem direito a aproveitar as extra magical hours: em determinados dias (é preciso consultar o calendário do parque na época que você for), os parques podem abrir uma hora mais cedo ou fechar uma ou duas horas mais tarde. Na prática, nós não aproveitamos as extra magical hours nenhum dia. Não conseguimos acordar tão cedo para tomar café e chegar ao parque antes do horário de abertura, e no final do dia estávamos exaustos demais para ficar mais duas horas.

– O estacionamento do hotel é gratuito. Nós só usamos na primeira noite, pois, como disse, optamos por ficar sem carro no período em que nos hospedamos no All-Star Sports. Fomos de Miami a Orlando de carro e o devolvemos na manhã seguinte no Disney Car-Care da Álamo. De lá para o parque (no dia fomos para o Magic Kingdom) usamos um shutter que a própria Álamo oferece.

Vale frisar que o complexo Disney oferece hotéis de diferentes categorias, e esse que ficamos faz parte da Econômica. As diárias custam US$85 (esse preço não inclui os impostos e taxas). Veja a seguir as tarifas atuais conforme a categoria (do site da Disney em 08/12/2014):

Aproveitamos o período hospedados nesse hotel para conhecermos, nessa ordem: o Magic Kingdom, o Disney’s Hollywood Studios, o Epcot e o Animal Kingdom. No último dia, pegamos um táxi para o Disney Car-Care (a Álamo oferece um shuttle que busca o cliente no hotel, mas o horário seria ruim para nós). Pagamos algo em torno de US$ 12. Já fomos para o Animal Kingdom com o carro que alugamos. Escolhemos um que comportava toda nossa bagagem no porta-malas, então não precisamos deixar nada nos bancos.

Depois do parque seguimos para o que foi nosso lar no restante da estadia em Orlando. E isso sim se parece com um lar:

image-08-12-14-02-11-6

Alugamos essa casa pelo site VRBO. Com 3 quartos, dois banheiros com ducha e banheira, um lavabo, ela comporta até 8 hóspedes. A cozinha é 100% equipada (eletros, louça, talheres, panelas…), tem máquina de lavar e secar roupa, armários em todos os quartos, TV na sala e em dois dos quartos. Inclui roupa de cama e banho, cobertores, travesseiros. Está localizada num condomínio fechado com estacionamento, lago, parquinho, quadra de esportes e piscina (que nem chegamos a ver). O acesso tanto ao portão do condomínio quando à porta da casa é por código. Vários pássaros e esquilos nas árvores em volta da casa completam o ar bucólico. Os parques da Disney ficam a 4 milhas. Mais perto tem outlets, restaurantes, farmácias, tudo que precisamos.

Algumas fotos da casa:

IMG_3084 (1)
Faceira com nosso Cadillac em frente à casa em Kissimmee, Orlando
IMG_0906
Sala de jantar e sala de estar ao fundo. O janelão tem vista para o lago.
IMG_0907
A cozinha com fogão, forno elétrico e micro-ondas, geladeira e freezer, máquina de lavar louça, pia com triturador, torradeira, além de louças, talheres, panelas.

 

IMG_1109
O lago visto da nossa casa.

O valor da diária varia conforme a época, mas mesmo na época mais cara custa menos que o hotel econômico da Disney, já incluídos os impostos e taxa de limpeza. Comprávamos comida na Walgreens ou na CVS (farmácias que vendem tudo que se pode imaginar) e preparávamos nosso café da manhã e lanches para levar para os parques em casa mesmo. A única coisa que a casa deixa a desejar é que quando você chega não tem um detergente para lavar a louça, sabão para a roupa, shampoo, nada disso. Mas havia detergente para lavar a louça na máquina. O sabão compramos na primeira oportunidade, e lavamos toda a roupa que precisávamos antes de voltar para Miami.

Gostaríamos de ter levado a família toda para aproveitar essa casona com a gente! Quem sabe na próxima?

É claro que existem opções muito mais baratas. Escolhemos essa por estar numa faixa de preço dentro do nosso orçamento e oferecer o conforto que queríamos, além de estar bem localizada. Pagamos tudo com antecedência. Os proprietários pedem um depósito de caução, que devolvem alguns dias depois, desde que nada tenha sido quebrado na casa.

Depois de experimentar esses dois modelos de hospedagem por preços bem similares, temos certeza: hotel nunca mais.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s